Domingo, 18 de Janeiro de 2009

Efemeridade da Vida...

 

Este post surgiu em justificação do anterior.

 

Em que eu  não me estava a referir à questão da idade em si, ma sim à efemeridade do tempo!!!

 

Durante anos sonhei ter 18 anos, que pareciam que nunca mais chegavam, havia  aquele alarido em torno dos 18, porque enquanto criança tinha aquela ideia que era a idade ideal, o poder tirar a carta, o poder conduzir, o poder sair sem dar justificações, o poder votar, o poder dar a voz sem que me julgassem ainda criança, etc. fez com que eu criasse expectativas, que agora eu posso dizer que, se calhar, não correspondem exactamente à realidade...

 

No entanto foi fácil e rápida a adaptação a essa idade, mas depois de chegada a idade tão esperada parece que esqueci que depois dos 18 vinham os 19, os 20 anos etc.!

E daí aquela coisa de agora quando me perguntam que idade tens?
Há aquele intuito de responder tenho dezoihhhhh e de repente ter aquele feel back  e dizer para mim mesma espera...
eu já não tenho 18 eu já vou fazer 20 caraças!

 

E chego à conclusão que o tempo não correu mas simplesmente andou e não parou!

 

tags:
A. Motα às 14:30
| comentar | (2) | +
Sábado, 17 de Janeiro de 2009

Os anos não perdoam...

Dei por mim a fazer contas para ter a certeza da minha idade -.-'

Tão habituada a dizer que tenho 18, e esqueço-me que já vou a caminho dos 20! 

 

: Velha
: Breath in Breath out - Mat Kearney
tags:
A. Motα às 15:51
| comentar | (5) | +

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 47 seguidores

Email
Flickr
Bookworms

.pesquisar

.arquivos

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008